Memórias Póstumas de Brás Cubas em HQ

Olá amores, tudo bem por aí ? Espero que sim ! Aqui está tudo ok...

Hoje eu trouxe uma novidade (pelo menos para mim) sobre um livro que é um dos clássicos da literatura brasileira. Acho que se você não leu, ao menos já ouviu falar em "Memórias póstumas de Brás Cubas" de Machado de Assis. Eu li na época da escola, assim como outros clássicos (forçada).
Mês passado estava folheando a revista Moda e Casa, da Avon,  eu adoro a sessão de livros sempre dou uma olhadinha hehe, acabei achando esse clássico em HQ (quadrinhos/gibi). Fiquei curiosa, comprei e adivinha só ... gostei !
Esse HQ é uma iniciativa muito bacana de ressuscitar os clássicos de uma forma mais atraente para jovens leitores. as literaturas estrangeiras são as mais procuradas atualmente, e apesar de novos escritores brasileiros estarem se destacando,  os clássicos continuam sempre em evidência.
Mas não é todo mundo que pega para ler um clássico da literatura brasileira, essa forma de HQ acredito eu, que chame muita atenção. Chamou a minha pelo menos...
O livro conta a história de Brás Cubas, um homem rico e fútil, que depois que morre começa a narrar sua vida em profunda reflexão. Ele começa pela infância, passa pela juventude, descreve seus amores, a mulher que amou a vida toda, sua carreira na política e vamos o conhecendo sua vida até o dia de sua morte. Na infância era um menino mimado e arrogante, na juventude se envolve com uma prostituta de luxo, o romance não dura muito pois Brás parte para a Europa para estudar. No seu retorno conhece Eugênia, uma moça que ele despreza por ser manca, em seguida Brás se envolve com Virgínia, mas essa o troca por um político por questões de status, mas mantém um romance com Brás, o  adultério dura anos até que termina, após o marido de Virgínia começar a desconfiar da traição. Desolado e sem rumo, Brás tenta esquecê-la e conhece outra moça, arranjada por sua irmã, mas o noivado dura pouco pois a moça falece. Seu amigo Quincas Borba, formula a filosofia do humanismo, apresenta para Brás que acha tudo muito confuso, Brás passa a se dedicar a carreira política, mas nunca foi bem sucedido, começa a praticar ações beneficentes, mas só por fazer.
Brás termina seus dias sozinho, velho, sem filhos e quase louco.
Nessa obra, os personagens mais importantes e que contracenam com Brás Cubas e que são apresentados no HQ são:

Marcela: Uma prostituta de luxo que ele conhece na juventude e se envolve com ela.

Prudência: Ex-escravo da casa do pai de Brás, depois de liberto compra para si um escravo, no qual se vinga das vezes que sofreu violência (Brás batia nele sem motivo algum).

Quincas Borba: Amigo de infância, que formula a filosofia do humanismo.

Eugênia: Uma moça que Brás conhece, se encanta mas a abandona por ela ser manca.

Cotrim: Cunhado de Brás, casado com a irmã Sabina, Cotrim é um homem grosseiro e violento no tratamento dos escravos.

Virgília: Moça que ele se apaixona, mas ela se casa com Lobo Neves, um político. Brás mantem um caso de amor com ela durante anos.

Dona Plácida: Ex empregada de Virgínia, é paga para acobertar os encontros de Brás e sua antiga senhora.

Nhã Loló: Parenta de Cotrim, foi noiva de Brás arranjada pela irmã Sabina, não chegam a se casarem pois a moça veio a falecer.
Minha opinião:
Ao ler essa obra somos apresentados a dois Brás, o vivo (extremamente fútil, grosseiro, volúbil, desagradável) e o Brás morto (pessimista, cético, crítico da humanidade). 
Essa é uma obra que apresenta o realismo brasileiro, esse livro pode ser considerado uma crítica a política da época (1822, juventude de Brás), acho que a leitura do livro é bem bacana por esse conceito histórico e pelos elementos de reflexão sobre o ser humano, muitas vezes em vida somos tão negligentes, orgulhosos e mesquinhos. A adaptação em quadrinhos ficou bem legal, a leitura é super rápida  e gostei muito das ilustrações também.
Acho que para quem não leu o livro, esse HQ pode despertar a vontade de conhecer mais a fundo a história. Eu pretendo ter os outros clássicos, achei legal para colecionar. (risos). Na minha época de escola poderia ter sido assim, aí eu não reclamaria, em HQ é muito mais divertida a leitura, principalmente de um clássico.

E vocês, o que acharam ? Já conheciam essa versão ?
Beijos e até o próximo post !












20 comentários:

  1. Que legal , são sou muito de ler essas histórias em quadrinhos porque me perco toda , mas acho muito legal , adorei a capa ainda não conhecia !

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehe é falta de costume Angela, as vezes me perco tbm, mas a ideia foi boa ne ? Muita gente curte HQ, eu curtia muito qnd era mais novinha, depois deixei d lado, mas quero colecionar esses ^^ beijos

      Excluir
  2. Ola Suzi!que ideia boa,quando se fala em clássicos vejo gente se arrepiando feito gato assustado(eu, por exemplo),assim com certeza desceria bem mais fácil.
    BEIJOSSsss,,,

    http://sonhosdeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade rs eu acho que isso é trauma de escola sabia... foi assim meu primeiro contato com clássicos e foi dificil, peguei ate trauma kkk mas em HQ ate q e divertido, sem enrolação, vc conhece a história de uma forma mais suave. bjo

      Excluir
  3. Eu também li na época da escola forçada
    depois, nem quis mais voltar a ler
    que bom que gostou
    não conhecia nessa versão
    Linda Noite
    beijokas da Nanda

    Mamãe de Duas
    Google+Nanda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é Nanda, em vez da escola incentivar, acaba nos traumatizando kkkk mas a versão HQ eu gostei. Achei interessante. bj

      Excluir
  4. Que legal Suzi, parece interessante o formato.
    Bjão

    www.blogdajeu.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é sim, quem curte HQ deve gostar dessa versão. bj

      Excluir
  5. Oiee ^^
    Já ouvi falar bastante desse livro, mas não tenho curiosidade de ler. É claro que, provavelmente, serei obrigada a ler, então...
    Achei bem interessante contarem a história em formato de HQ, acho que quando for ler vou apelar para o HQ primeiro...haha'
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ain Dryh, o que mata é essa obrigação em ler ne, super chato isso. Pior que a gente não tem escolha, querem enfiar goela abaixo livros que não nos simpatizamos, os clássicos tem boas histórias, mas seria legal ler quem quer ne rs a versão HQ me conquistou, vou querer as outras histórias ^^ bjo

      Excluir
  6. Oii, tudo bem?
    Assim como você eu não sou muito de pegar livros classicos para ler, mas acredito que um na versão HQ possa chamar a minha atenção.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu achei diferente, só comprei um para ver como era, fiquei 3 dias pensando se ia ler kkkk afinal d contas eu ja conhecia a história, mas aí li rapidinho e achei legal. Uma boa versão para quem tem pavor de clássicos, mas ama gibi. bjo

      Excluir
  7. Oie, Suzi!
    Que incrível! Adorei terem transformado o clássico numa história em quadrinhos. Fica mais acessível a quem, como eu, tem preguiça de ler o livro por imaginar que é meio entediante. Então simplesmente amei a HQ e com certeza vou comprar.
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sem contar q a escrita e de época, tem palavras q não conhecemos e tal ... é meio entediante .... as histórias são até boas, e grande parte da literatura atual se inspira na clássica muitas vezes, mas sem dúvida que a versão HQ é mais divertida, e bem mais rápida de ler, acho q vc gostar viu... bjo

      Excluir
  8. Oiee,
    Nossa menina eu também li na epoca da escola.. já tem um tempinho..
    Bom com toda certeza eu iria gostar muito mais dessa versão, ainda não tinha visto na revista da Avon, caso eu encontre com certeza vou compra-lo.
    Beijos



    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tbm gostei mais assim rs veio na campanha passada da Avon, deve vim nessa tbm, eu quero os outros para colecionar. Mas creio que deve se achar em livraria tbm, ainda não procurei mas tem vários clássicos além dos que estão na revista. bjos

      Excluir
  9. Que demais! Sério, Machado de Assis é ótimo em qualquer versão. Tive a oportunidade de ler na versão clássica e gostei bastante. Se essa versão HQ tiver o mesmo sarcasmo machadiano, estará perfeita. Com certeza essa em HQ irá facilitar a leitura para muitas pessoas que têm dificuldade ou até preguiça de ler esse clássico. Gostei muito da indicação, nãos sabia dessa super novidade.

    leiagarotaleia.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A versão HQ é mais resumida, mas tem as características ... o sarcasmo está la kk
      para quem não tem paciência de ler o livro, pode ao menos iniciar com o HQ. Achei bem legalzinho. beijos

      Excluir
  10. Olá.. tudo bem??
    Eu achei bem legal... essa nova fórmula de clássicos até mais para os nossos jovens que estão no ensino médio não se sentirem tão forçados a ler... de repente a leitura fica até mais prazerosa.. percebi que vc gostou muito... xero!!!

    ResponderExcluir
  11. Oie, tudo bom?
    Eu particularmente adorei a iniciativa porque vai incentivar muitos estudantes a conhecer Machado de Assis e não achar a literatura nacional chata. Gostei muito e não sabia dessa HQ ainda, mas já quero pra mim.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário, é muito importante ler sua opinião...
Não encha os comentários de links, pois será considerado spam.
Caso queira resposta para seu comentário, marque a caixinha"notifique-me" no comentário. Podem entrar em contato direto pelo formulário do blog lá embaixo.
Obrigada pela visita, volte sempre!

Tecnologia do Blogger.